Categories
Programação

O Poder do PDO

Não saber o poder do PHP Data Objects (PDO) pode estar te levando a reinventar a roda todo dia!

Não saber o poder do PHP Data Objects pode estar te levando a reinventar a roda todo dia!

Neste artigo vamos ver exemplos práticos de como utilizar PDO para facilitar sua vida, além de falar de boas e más praticas ao utilizá-lo.

Por que PDO?

Mas então, por que PDO afinal?

Resposta rápida:

Os reais benefícios do PDO são:

  • Segurança – Proteção contra SQL injections.
  • Usabilidade – Há muitos métodos prontos para automatizar operações totineiras.
  • Reutilização – O mesmo código PHP serve para acessar diferentes bancos de dados, de SQLite a Oracle, passando pelos populares SQLServer, PostgreSQL e claro MySQL.

Tudo sobre os benefícios do PDO:

PDO é uma camada de abstração de acesso ao banco de dados, que oferece uma interface unificada para acessar 12 bancos de dados diferentes, são eles:

  • PostgreSQL
  • SQLite
  • MySQL
  • Oracle
  • ODBC
  • MS SQLServer & Azure
  • Firebird
  • Informix
  • IBM DB2
  • Sybase
  • Cubrid
  • 4D

O PDO abstrai não apenas uma interface de conexão com banco de dados, mas também operações básicas que, de outra forma, teriam que ser repetidas centenas de vezes em cada aplicação, o que te levaria para bem longe de uma das premissas para ser um bom programador: Don’t Repeat Yourself (DRY)!

Ao contrário do mysql e do mysqli, que são ambos drivers de baixo nível servindo apenas como ponte entre o banco de dados MySQL e uma camada de abstração de nível superior, o PDO já é uma abstração pronta totalmente utilizável.

Bem, mas agora que já sabemos um pouco sobre os benefícios de se utilizar o PDO, não percamos mais tempo e vamos direto a ação! Começar a pôr a mão na massa!

Em seguida: Conectando a um banco de dados com PDO

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *